CANTO DE FRASSINO

Os meus horizontes são de Vida e de Esperança !

Textos

GALIZA, TERRA IRMÃ
“No Dia Nacional da Galiza”

Galiza, ó terra-irmã, de longe vens,
Pela história dos teus antepassados,
Casada com o mar – donas e homens –
Co´ as serras e co´ os rios abraçados.

De Celtas e de Suevos sangue tens,
Com os povos Lusitanos irmanados,
Teus olhos, de luzeiros bem enormes,
Tocam nos horizontes alargados,

Do além-do-mar e das Sete Partidas,
Nas quais os teus heróis sempre brilharam
Com suas aventuras e suas vidas
Na procura das sortes que sonharam.

Neste teu Nacional Dia, ó Galiza
Que palpitas na Alma do amanhã,
Fixa as lições desta Gesta indecisa
Que habita em nós, Galiza, Terra irmã…

E, se mais não houvesse pra celebrar
Possuis, p´ los versos do bardo Pondal
Uma Bandeira e Língua para exaltar,
Na aura fiel de Rosalía angelical!

Frassino Machado
In OS FILHOS DA ESPERANÇA
FRASSINO MACHADO
Enviado por FRASSINO MACHADO em 24/07/2019


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras