CANTO DE FRASSINO

Os meus horizontes são de Vida e de Esperança !

Textos

NA ERA DOS CAMPEÕES
À memória de António Gromicho

Na Era dos Campeões
Era mesmo até doer
Puxava-se pelos galões
Corria-se para vencer!

Sempre por montes e vales
Por matos ou estradões
Não nos chegavam os males
Na Era dos Campeões.

Sport Lisboa e Benfica
Léguas e léguas a correr
Com suor e com genica
Era mesmo até doer.

Numa gesta meritória
Ninguém nos dava lições
E para conseguir vitória
Puxava-se pelos galões.

Eram fortes os adversários
Mas nada havia que temer
Mesmo com ventos contrários
Corria-se para vencer.

Nossa estratégia e bitola
Era tão só imparável
Com amor à camisola
Fizemos história admirável.

Não sei se hoje é igual
Nos meandros desportivos
Só sei que há outra moral
Para os mesmos objectivos

"Mais rápido, mais alto, mais forte"
Sempre foi nossa bandeira,
Doutros valores, doutra sorte,
Ficou memória altaneira!  


Frassino Machado
In A MUSA DOS ESTÁDIOS
FRASSINO MACHADO
Enviado por FRASSINO MACHADO em 24/10/2018


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras