CANTO DE FRASSINO

Os meus horizontes são de Vida e de Esperança !

Textos

A GRANDE CHARADA
«Ode à TSU»

Desfila fria neste triste inverno
A charada na Tribuna palavreira,
Vai-se arrastando com cariz eterno
Parecendo tudo menos verdadeira.

Tsu … tsu … ó que mascarada,
Ó que problema tão bicudo e terno
E cada “capelinha” disfarçada
Desfila fria neste triste inverno.

Gasta o seu tempo na negociata,
Palavra mais palavra a vida inteira,
Qual pé-descalço ou gente de gravata,
A charada na Tribuna palavreira.

O tempo, deslizando imparável,
Faz que a miséria caia num inferno
E a economia de forma imperturbável,  
Vai-se arrastando com cariz eterno.

Dois pratos de balança em contrapeso,
Conversa fiada sem eira nem beira,
E a nacional paixão fica em desprezo
Parecendo tudo menos verdadeira.

Delegados da Nação, em que pensais?
O objectivo que aí vos colocou
Será tão só ganhardes muito mais
Ou servirdes a Causa que vos honrou?

Afinal a Tsu não passa duma esmola
Porque, então, toda a vossa Interesseirice?
Não seria melhor voltardes pra escola
Em vez de vos arrastardes na tolice?

Vou dando minha razão ao trovador
Que, tendo em vista esmola ou teimosia,
Considerou com todo o seu vigor
Qu´ até a moral não passa de hipocrisia…

Ficai lá, pois, com todas as razões
O que eu quero é que o povo vos entenda,
Ponde de molho as vossas intenções
Se quereis preservar vossa Comenda.

Mais tsu, menos tsu, que vos importa?
A verborreia não passa de Charada
E a vossa sorte, tornada letra morta,
Ficará águas-de-bacalhau, mais nada!

Frassino Machado
In ODIRONIAS
FRASSINO MACHADO
Enviado por FRASSINO MACHADO em 25/01/2017


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras